search

Sofia Santos

Pelo Porto- jardins do Palácio de Cristal

Pelo Porto- jardins do Palácio de Cristal







Festival Village 2017- Punta Umbría     4-10 Abril

Festival Village 2017- Punta Umbría

 

 
















4-10 Abril






"Anda. Anda ter comigo. Abraça-me. Beija-me. Diz que me amas como nunca amaste ninguém. Fala comigo sobre tudo. Fala comigo sobre a ...

"Anda. Anda ter comigo. Abraça-me. Beija-me. Diz que me amas como nunca amaste ninguém. Fala comigo sobre tudo. Fala comigo sobre a vida, fala comigo sobre os problemas, sobre os teus problemas, sobre os nossos problemas. Diz-me que me queres. Diz-me que me desejas. Deseja-me. Limpa as minhas lágrimas. Segura-me nos teus braços. Entra nos meus sonhos. Sonha comigo. Põe-me confortável, mete-me desconfortável, mete-me desconfortável. Usa-me e abusa-me. Junta o teu corpo ao meu. Excita-me. Tu sabes como fazer isso. Sê confiável. Confia em mim. Veste-me com as tuas mãos. Ama-me. Só te peço para me amares. Mas ama-me já. Eu estou à tua espera."

-Inês Amaral
 

Uma semana difícil  -Sofia Santos

Uma semana difícil 



-Sofia Santos

Quinta Da Regaleira- Sintra -Sofia Santos (5-11 Março)

Quinta Da Regaleira- Sintra













-Sofia Santos

(5-11 Março)


"I'm a woman! What's your superpower?"        Elas não querem um dia para elas. Elas querem que todos os dias sejam ...


"I'm a woman! What's your superpower?"   

   Elas não querem um dia para elas. Elas querem que todos os dias sejam delas, que lhes seja permitido conquistar o que outrora fora impossível. Não querem as tuas flores num dia marcado para tal, querem-nas quando for inesperado como prova de que te importas! Não são complicadas, só querem que se lembrem delas. Será pedir de mais um reconhecimento? 
   Não querem que as ajudes com as tarefas domesticas, querem que as partilhem com elas. Que não esperem que sejam sempre elas a fazer tudo porque todos vivem de baixo do mesmo teto e todos usufruem das mesmas coisas. Talvez aceitem fazer de vossas empregadas, mas acreditem que nunca será porque acreditam que seja dever delas tratar de vocês como se fossem crianças. São sensíveis mas fortes. Calculistas mas determinadas. Podem cair muitas vezes é verdade, mas por cada passo para trás dão dois para a frente. Dão trabalho a manter, não se contentam com pouco como já perceberam, mas o esforço vale completamente a pena. 
   Quantas delas não sofreram ou sofrem para chegarem onde chegaram? Quantas ainda não têm direito ao que todos deveriam ter direito? Quantas têm alguém a seu lado que não as apoia e que pensa que estão a cima delas? 
   A verdade é que, por mais que reclamem, precisam delas! "Por de trás de um grande homem, há sempre uma grande mulher!" 
   Sabias que elas têm de trabalhar o dobro ou o triplo para estarem ao mesmo nível que tu, para terem o mesmo trabalho que tu tens? E o mais provável é nem terem o mesmo salário que tu tens quando fazem o mesmo ou mais que tu! Desde quando é que isto é justo? Desde quando é que são melhores que Elas? 
   Só tenho de pedir desculpa àqueles que não são a maioria e que pensam como eu, acreditem que não vos meto todos no mesmo saco! Aqueles que sabem que elas deveriam ter o mesmos direitos que vocês têm, obrigada! Obrigada por verem para além do que vos ensinaram, por pensarem pela vossa cabeça! Obrigada por acreditarem que uma mulher também pode trabalhar, sair, ser livre. Que não tem de ser uma mulher a cuidar dos filhos e a tratar da casa! 
   Um dia disseram-me "As mulheres não podem usar chapéus, só os homens", e pensando bem tenho pena de quem tem uma mentalidade tão pequena e que não vê que somos todos iguais... 
   O que vêm quando olham para uma mulher? Vêm uma pessoa inferior a vós ou uma pessoa que lutou para ganhar o direito a usar um chapéu? 

-Sofia Santos


 Os meus dias são rotinas e stress. Coisas que odeio completamente mas que estou a deixar que dominem a minha vida. (nunca ouviram ...


 Os meus dias são rotinas e stress. Coisas que odeio completamente mas que estou a deixar que dominem a minha vida. (nunca ouviram dizer, façam o que eu digo, não o que eu faço?)
   A minha vida deu uma volta completa nos últimos tempos. Por um lado tenho projetos novos que me deixam feliz e que sinto que me vão ajudar imenso no futuro, mas por outro lado tenho os dias completamente ocupados e o tempo teima em fugir-me das mãos. Não é fácil gerir o que quero, o que consigo e o que tenho de fazer. São decisões e  mais decisões que tenho de tomar e muitas vezes parece que não estou preparada para o fazer. Não vejo a hora de poder parar, respirar fundo e pensar com calma. Mas nem para isso tenho tempo...
   Não sou pessoa de saber lidar com o stress. Nunca o fui. Deixo-me afundar e afundar e acabo sempre por explodir e levar quem estiver à minha frente comigo. Talvez o que me falte seja o descanso, ou a vontade de me levantar. É sempre mais fácil deixarmos-nos levar do que respirar fundo e pensar que vai correr tudo bem! 
   O ritmo não abranda ou espera por mim e eu simplesmente já não tenho força para lhe fazer frente. O mau humor parece que se contagia por todos e que nos deita a baixo. Nunca são fáceis estas alturas para ninguém. Mas, pensando bem, quando é que alguma coisa é fácil? 
   Respira, conta até 3, e se mesmo assim nada melhorar pensa que já estiveste pior e que a vida é feita de altos e baixos. 

-Sofia Santos